Sicoob
? ºC Cuiabá - MT

16 de novembro de 2018 - 13:38

Brasilia

10/11/2018 06:13

Governo reforça distribuição de produtos para prevenção à malária

Mosqueteiros com inseticida de longa duração fazem parte da estratégia para reduzir os casos da doença

Além de mosqueteiros, governo investe em medidas para reduzir o número de insetos infectados - Foto: Acnur/Sarah Hoibak/Agência Brasil

Para reduzir os casos de malária na região amazônica, o Ministério da Saúde vai distribuir 300 mil mosqueteiros com inseticida de longa duração. A ação vai ocorrer em 34 municípios prioritários no Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia e Roraima e em nove Distritos Sanitários Especiais Indígenas, locais que concentram 80% dos casos de malária no Brasil.

De janeiro a setembro de 2018, a região amazônica registrou 144,1 mil casos de malária. Em todo o País, os registros chegaram a 144,7 mil. No ano passado, eles somaram 194,4 mil.

Estratégia

Aliada ao diagnóstico e ao tratamento precoce, a aquisição dos mosqueteiros é uma estratégia complementar para reduzir o número de pessoas contaminadas e o número de mortes. No total, foram investidos R$ 4 milhões na compra dos equipamentos.

Outra forma de diminuir os casos é o controle da quantidade de insetos na região com o uso de métodos como borrifação residual intradomiciliar e a termonebulização espacial. 


Escola ailtonParte 3Parte 2
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo