23 de outubro de 2020 - 18:36

? ºC Cuiabá - MT

Economia

01/10/2020 08:54

Mato Grosso assume primeiro lugar na geração de emprego no país

Mato Grosso encerrou agosto gerando mais vagas de trabalho. Foram 28,6 mil contratações e 24,7 mil demissões, que resultaram em um saldo de 3,9 mil novos empregos com carteiras assinadas. O balanço do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados foi divulgado, esta tarde, pelo Ministério da Economia.

A construção civil foi a grande impulsionadora do resultado positivo alcançado em agosto. O setor gerou 1.177 vagas a mais, saldo de 3.594 contratações e 2.417 demissões. O comércio aparece em seguida, com 1.169 novos postos de trabalho e um volume de 9.274 formalizações e 8.105 desligamentos.

O setor de serviços gerou 970 novas vagas, ao contratar 8.426 trabalhadores e demitir 7.456. Na indústria, foram gerados 574 novos postos de trabalho, saldo de 4.787 admissões e 4.213 dispensas. Já o setor agropecuário contratou 2.616 profissionais, desligou outros 2.571 e terminou o mês com 45 empregos a mais.

Com o resultado obtido em agosto, Mato Grosso assumiu o posto de estado que mais gerou vagas de trabalho, em 2020. Até agora, já são 12,9 mil novos postos. O Pará, que registrou 12,2 mil, aparece na segunda colocação. São Paulo, por outro lado, extingiu 279 mil vagas e registra o pior desempenho.

No Brasil, o resultado geral, em agosto, foi positivo. Foram geradas 249 mil empregos a mais. Foi o segundo mês com resultado positivo, uma vez que, em julho, foram abertos mais de 131 mil novos postos. Entretanto, o saldo de 2020 ainda é negativo e o país acumula a perda de 848 mil empregos com carteiras assinadas.


JD News

Portal JD News tem como objetivo primeiro o de Informar com ética, isenção e profissionalismo tudo o que acontece nos domínios da maior ilha marítima do Brasil.

Telefone para contato

(65) 999071991

E-mail: contato@jdnews.com.br

© copyright 2016 Todos os direitos reservados.

Redes Sociais